Agamenon Almeida

A vida é a arte do possível na busca do impossível.

Textos

PERDER A CABEÇA
Não sou capaz de perder a cabeça
Eu sempre fui um sujeito normal
Por mais que a vida faça e aconteça
Tudo às vezes, é apenas banal.

Só poucas vezes me apaixonei
E mesmo assim não cheguei a chorar
O grande amor que um dia sonhei
Chegou de mansinho e sem avisar.

Hoje olho sereno os dias passados
Com uma certeza, eu só aprendi
E no caminho que ainda me falta
Tenho flores, é só dividir.

Sonhei pela vida tão poucos sonhos
Que de repente todos eles chegaram
Não sei se mereço todo esse caminho.
Mas pela vida, tive sempre cuidado.
Agamenon Almeida
Enviado por Agamenon Almeida em 29/12/2006
Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras