Agamenon Almeida

A vida é a arte do possível na busca do impossível.

Textos

SOPRO DA VIDA
Se acaso souberes que o mundo
Passou ao largo de ti
Não chores, não grites, não morras;
A vida, por certo, tem que ser assim.

Ergue tua alma caída
Arranca um pouco de vida
Te põe novamente a caminho.
Deixa passar, esta encruzilhada.

Por hoje descansa, declina o sol
O horizonte já se enche de púrpuras
Pára, medita, perde-te no céu
Alguém no infinito, te escuta e conforta.

Passada esta noite, quem sabe, de horrores
O sol brilhará em teu coração
O amanhã será outro, repleto de luzes
Encontrarás o teu mundo, ainda na aurora.

Agamenon Almeida
Enviado por Agamenon Almeida em 24/12/2006
Copyright © 2006. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras